PARA REFLETIR

domingo, 7 de junho de 2009

BRINDE ENTRE PODEROSOS. AGRADECIMENTO OU DEBOCHE???

UM BRINDE A ROSEANA

Por Franklin Douglas

As notas abaixo estão publicadas na Folha de São Paulo de hoje (sábado-06/06/2009)

Como bebe e passa bem essa"nossa" elite!



Brinde 1. Com Roseana já fora da UTI do hospital Albert Einstein, seu pai, José Sarney, o marido, Jorge Murad, o médico Raul Cutait, o ex-senador Gilberto Miranda e o empresário José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, dividiam mesa ontem no Gero, no bairro paulistano dos Jardins.



Brinde 2. Pela mesa passaram uma garrafa de Château Latife, uma de Château Latour (preços entre R$ 1,9 mil e R$ 2,8 mil) e uma de Château Pétrus (um dos vinhos mais caros do mundo, cotado entre R$ 5 mil e R$ 40 mil, a depender da safra). Franceses da região de Bordeaux, foram todos levados pelos comensais. Não figuram na carta do restaurante da família Fasano.


"Enquanto isso, no pobre Maranhão..."

Lá no Hospital Socorrão, Luís e Álvaro, amigos de César, estão aliviados. Após, por sorte, encontrar um amigo da época de universidade (agora médico), conseguiram tirar César do "sorteio" do plantão. No Socorrão é assim: escolhe-se quem vai morrer ou viver. Não dá para operar a todos que sofrem na fila de espera da emergência! Lá no Hospital Socorrão, Luís e Álvaro, amigos de César, estão aliviados. Após, por sorte, encontrar um amigo da época de universidade (agora médico), conseguiram tirar César do "sorteio" do plantão. No Socorrão é assim: escolhe-se quem vai morrer ou viver. Não dá para operar a todos que sofrem na fila de espera da emergência!

O amigo dos dois, lá pelas duas da manhã, foi operado de apendicite. A situação estava complicada. Já tinha retornado duas vezes do hospital (era só uma inflamaçãozinha, lhe dizia a médica de plantões anteriores!). Salvou-se, graças à sorte de ser amigo de amigos que tinham um amigo médico no Socorrão. Luís e Álvaro atravessaram a avenida das Cajazeiras e, ali mesmo na Madredeus, tomaram umas catuabas. Pra aliviar e comemorar a vida do amigo!


(*) com a devida alteração dos nomes dos envolvidos, o fato acima não é mera ficção oposicionista...



MINHA OPINIÃO:

BRINDE ENTRE PODEROSOS. AGRADECIMENTO OU DEBOCHE???

A velhinha aqui passou uns dias quietinha, mas tem coisas que não dão pra deixar passar. Estou passada com o que li no blog do Franklin Douglas e que me atrevi a transcrever aqui.

Gente, nós sofremos muito mesmo, não acham? Enquanto o povo está preocupado com o Estado que, segundo a Senhora Governadora e seus assessores, estaria completamente sucateado, sem condições de realizar quaisquer investimentos, pois os "balaios" teriam "roubado" todo o herário público, a sua família e seus amigos comemoram seu restabelecimento com bebidas cujo valor unitário, exemplificando, daria para pagar o salário de mais um médico para o maior Hospital Público da nossa capital, que tanto nos falta. Sem falarmos no material e todo o resto necessário para manter um centro médico. Que o diga nosso atual Secretário de Estado da Saúde...

E aí? Como ficamos ao sabermos que, sem o auxílio-moradia, já que entendemos já ter sido devolvido pelo Senador, este, junto a um grupo seleto de amigos endinheirados, em comemoração ao estado de saúde da filha vai a um dos melhores restaurantes do país e consome o que há de mais caro?

Tenho discernimento suficiente para entender que na posição que ocupa, e que ocupa há bastante tempo, o Senador é cercado de pessoas abastardas, e que esta comemoração é comumente vivenciada por estas pessoas, porém para o povo maranhense que ainda sofre com as consequências do período chuvoso pelo qual nosso Estado ainda passa é inatingível esta mistura de realidades...

Agora só nos resta esperar que o Senador, ou sua filha, já recuperada, venham nos visitar para degustar da nossa pescada no Mercado do Peixe, acompanhada de nosso Guaraná Jesus...

FIQUE DE OLHO!!!

2 comentários:

  1. Laurinha de Albuquerque Figueroa8 de junho de 2009 01:13

    Eu acho Sarney um Ronaldinho Fenomeno,e sua filha Roseana uma Amy Winehouse. Eu acho k o Maranhao precisa é de uma revelaçao tipo Susan Boyle p tirar nosso estado desse atraso, ate porque o maranhao é tipo a comparaçao do mundo com a caixa de bombons que a mae de Forest Gump falava p ele, ou seja, a gente nunca sabe o que vai encontrar dentro.

    ResponderExcluir
  2. A véia tá demais!
    Fico imaginando a hora que ela sair de baixo dessa cama, não vai ter pra ninguem, nem para mim, nem pro franklin, te cuida blogoióla!!!

    ResponderExcluir